in

Felipe Ramalho, sócio do Réveillon do Gostoso, conta mais detalhes desse ano desafiador para a produção do evento, em São Miguel do Gostoso

Felipe Ramalho, sócio do Réveillon do Gostoso, conta mais detalhes desse ano desafiador para a produção do evento, em São Miguel do Gostoso

Felipe Ramalho, sócio do Réveillon do Gostoso, conta mais detalhes desse ano desafiador para a produção do evento, em São Miguel do Gostoso

Contagem regressiva para 2021…

via Assessoria de Imprensa

O nordeste brasileiro é conhecido pelo visual deslumbrante, com praias paradisíacas, além de muita cultura e gastronomia de ponta, atraindo turistas de várias regiões do país e do mundo. O Réveillon do Gostoso foi o primeiro a dar o pontapé para a realização da sua edição 2020. Enquanto todos estavam apreensivos com a pandemia do COVID-19, Gostoso disparou alguns posts nas redes sociais, afirmando que iriam ter a edição 2020, com todos os protocolos de segurança. A partir daí, foi só alegria, outros produtores de evento se adaptaram ao cenário e também lançaram suas festas para o final do ano.

Para saber mais detalhes sobre os desafios que 2020 trouxe para a produção do Réveillon do Gostoso, conversamos com Felipe Ramalho, um dos sócios do evento.
DJ MAG BRASIL: Como tem sido os preparativos para essa edição em meio a essa loucura toda do COVID-19?
O mundo está diante de um novo cenário atualmente, o que criou novas necessidades para a realização do nosso evento. Por isso, cada detalhe desta edição tem sido planejado com muita cautela. Nossa equipe se encontra muito focada em entender quais são essas novas demandas necessárias, aplicar as regras de ouro estabelecidas de uma maneira que seja realmente eficaz, além de estudar novos formatos de entretenimento que possam nos ajudar na realização de um evento completamente seguro para a realidade que nos encontramos hoje. Para isso, estamos em contato direto com as autoridades locais e órgãos de saúde, nos revezado para visitas técnicas em São Miguel do Gostoso, alinhando todas as mudanças que precisam ser feitas e iniciando a nossa produção junto aos nossos fornecedores. Tem sido tão corrido quanto, mas uma experiência bastante diferente quando comparamos com as edições passadas.
DJ MAG BRASIL: Quais são as principais exigências dos protocolos de segurança?
Com certeza, as regras de ouro deverão ser aplicadas por todo e qualquer evento que seja realizado a partir de agora, como, por exemplo, o uso obrigatório de máscaras tanto pela equipe quanto pelo público e a instalação de estações de álcool em gel distribuídas de forma a abranger toda a área do evento. Além disso, nós, do Réveillon do Gostoso, estamos sendo extremamente exigentes e cautelosos nesse aspecto, buscando entender e criar regras próprias com objetivo de preservar ainda mais a segurança e bem-estar de todos que estiverem presentes no nosso evento. Contudo, sem dúvida, não podemos deixar de mencionar que a mudança mais importante deverá ser a do próprio consumidor, que precisa assumir uma postura ainda mais responsável e consciente diante do cenário atual. Por isso, em nossa comunicação e no contato direto que temos com o nosso público, estamos sempre reforçando a importância da conscientização, dos cuidados e das medidas de prevenção.
PEN1227174542
DJ MAG BRASIL: Vocês acreditam em uma retomada consciente e de união do setor do entretenimento em todo o Brasil?
Sem sombra de dúvidas. Nosso setor nunca esteve tão unido. Estamos em constante contato e realizando reuniões com frequência a fim de entendermos em conjunto quais as maiores necessidades deste novo momento que o mundo vivencia hoje.
Acreditamos que seja fundamental projetarmos e sanarmos essas necessidades para conseguirmos colocar em prática um plano de retomada efetivamente consciente, criando fases gradativas e entregando uma maior previsibilidade para o público e para os trabalhadores que dependem dessa economia.
DJ MAG BRASIL: Quais os principais desafios que vocês estão enfrentando durante a pré-produção do Réveillon de Gostoso?
A pandemia tem sido um grande desafio para todos. Porém, o que precisamos entender primeiramente é que está equivocada a visão de algumas pessoas de que o nosso setor se trata apenas de uma festa. Na verdade, trata-se de uma cadeia produtiva que sustenta milhões de famílias pelo Brasil inteiro. Isso não significa que a retomada tenha que se dar a qualquer custo, muito pelo contrário. Estamos nos adaptando a essa nova realidade. Por exemplo, junto da APRESENTA RIO, associação de produtores do Rio, estamos buscando estudos e referências mundiais que demonstrem quais são os melhores formatos do “novo entretenimento”. Nosso intuito é planejar a retomado desse setor de forma consciente. Por isso, o principal desafio no momento está sendo exatamente o planejamento de cada detalhe do evento para que ele possa ser realizado de maneira 100% segura.
ESB1229030638
DJ MAG BRASIL: Qual será o diferencial de Gostoso em relação aos outros réveillons já confirmados?
Mais do que nunca, nós, do Réveillon do Gostoso, estamos completamente voltados para o nosso Público. Temos tido um contato cada vez mais próximo com as pessoas e notamos que a vontade de viverem essa virada de ano tão importante com a gente tem crescido mais a cada dia que passa. Fomos o primeiro Réveillon a começar a estudar o cenário que nos encontramos e desenvolver medidas para que a realização do evento se tornasse possível, sempre levando em consideração a opinião de todos, principalmente de quem quer estar com a gente em dezembro. Acreditamos que o nosso diferencial está exatamente nessa humanização do evento, na troca que temos tido com o nosso público, na confiança que conquistamos dele. Por isso, estamos planejando um evento inesquecível, no qual as pessoas poderão, enfim, desfrutar das festas que tanto sentem falta sem que a segurança seja deixada de lado. Estamos criando regras autorais, além das já conhecidas a fim de construirmos um ambiente completamente seguro. A intenção é adaptarmos o evento para realidade de hoje sem que a essência do Réveillon mais gostoso do Brasil seja perdida.
DJ MAG BRASIL: Se por ventura o réveillon não puder ser realizado na última hora, os clientes podem ficar despreocupados que haverá reembolso integral dos ingressos?
Jamais deixaríamos o nosso público ser prejudicado pela situação atual que estamos vivenciando hoje. Sempre nos empenhamos e vamos continuar nos empenhando para manter essa relação de confiança que conquistamos durante os anos de existência do Réveillon do Gostoso. Por isso, na hipótese do evento precisar ser cancelado por uma questão de saúde pública ou por imposição do governo, por exemplo, garantimos que existirá sim a possibilidade de reembolso do valor gasto nos ingressos, respeitando os direitos dos nossos consumidores e seguindo a métodos previstos na lei. Além disso, também teremos outras opções para que nosso público não se sinta prejudicado de nenhuma maneira, tornando possível a transferência dos ingressos adquiridos para a próxima edição por exemplo. Contudo, seguimos acreditando que a situação atual tende a melhorar e que poderemos viver essa tão esperada virada de maneira consciente e segura para todos.
MAN1228052135
DJ MAG BRASIL: Como foram as captações de patrocínio para essa edição, as marcas toparam permanecer junto, mesmo com um cenário de incerteza?
Mesmo com um cenário de incerteza, alguns dos nossos parceiros não chegaram a descartar suas participações no evento. Porém, entendemos que, diante da realidade atual que o mundo se encontra hoje, precisávamos buscar novas formas de realizar parcerias para essa edição tão importante. Por isso, estamos não somente conversando com as marcas que já faziam parte do nosso evento nos anos anteriores como também buscando novos nomes que poderiam estar presentes no Réveillon do Gostoso pela primeira vez este ano. Nosso objetivo é que cada detalhe das parcerias seja planejado em conjunto a fim de entregarmos um evento repleto de experiências incríveis para o nosso público e para as marcas presentes, sempre mantendo todos os cuidados que o momento atual exige.

Mais informações acesse aqui.

Siga o instagram do Réveillon do Gostoso!


Veja mais em DJMag

O que você acha?

MELHORES DA SEMANA #44 – 13/11 a 19/11

Entrevista exclusiva com o DJ e produtor, Lazy Bear