in

O brasileiro Spuri relembra 5 momentos marcantes de sua carreira – News

Muitos artistas adentram no universo musical graças ao apoio (ou ao ambiente musical) familiar e a história de Rodolfo Spuri também tem um início similar.

O DJ e produtor paulista nasceu envolvido com a música pelo fato de sua família ser enorme e muito diversificada em questões sonoras, desde cedo estudou música e aos 15 já começava a riscar meus primeiros discos de House e Techno.

Demonstrando uma forte veia criativa, começou a produzir logo suas próprias músicas e festas, sem se limitar ou restringir a qualquer estilo.

Hoje ele é dono da sua própria gravadora de Techno, a Hotstage, capitaneada junto de outro medalhão muito conhecido: DJ Murphy.

Spuri também é um nome constante nos flyers do D-EDGE, um dos principais clubs do Brasil, já tem passagens pelo Warung Tour e Universo Paralello, além de ter se apresentado em uma festa do ADE (Amsterdam Dance Event) e também no prestigiado Sisyphos, em Berlim.

Mas para não ser injusto, convidamos o próprio artista para fazer um retrospecto de sua carreira listando seus 5 principais highlights por aqui:

1
Posição #1 no chart de Melodic House & Techno do Beatport

Já tive muitas realizações ao longo da carreira, mas quando ficamos mais de um mês no Top 1 de vendas de Melodic House & Techno do Beatport, com certeza foi um marco pra mim como produtor, fiquei muito agradecido mesmo.

A track em questão é a ‘Cattleya’, produzida com meu parceiro de estúdio e sócio Andre Bastos, lançamos pela Dear Deer Records e recebemos até o suporte do Solomun.

2
Terceira passagem pelo Universo Paralello

2019 foi um ano maravilhoso e me presenteou com uma gig em um dos maiores festivais do Brasil, o UP.

Na hora do meu set, a chuva recuou e a pista bombou do começo ao fim.

Tocar naquele paraíso para um público enorme foi indescritível.

3
Warmup para Bart Skils no D-EDGE

Já tive tantos momentos lindos no D-EDGE que considero o local como minha segunda casa, muitas gigs iradas e inúmeras histórias para contar…

Lembro que a gig do meu aniversário durante uma Moving foi inesquecível, fiz o warm up para o mestre Bart Skils e a noite foi insana!

4
Festa Tusca 2019

Mais uma que vai ficar na minha memória e no meu coração para sempre.

Na ocasião dividi o palco com os mestres Renato Ratier e Gui Boratto, ainda toquei no último horário, a pista estava bombando e havia um mar de gente pulando a cada virada…

Falamos em 10 mil pessoas, mas eu acredito que tinha ainda mais!

5
Sisyphos em Berlim

O Sisyphos foi algo que eu não imaginava.

Toquei numa festa que era de domingo para segunda, considerado por muitos o melhor dia pra se sair em Berlim, Hammer Halle lotada até a boca, comecei no horário de fervo, toque da 01h até as 07:30h.

Só estavam previstas quatro horas, mas fomos estendendo até o fim e de quebra fiz um b2b com um grande amigo, Efno, nas duas últimas horas, foi surreal… no fim sorri tanto durante a noite que deu cãibra no meu maxilar [risos].

6
Warung Tour – Ribeirão Preto

Não tem como deixar esse momento de fora.

Morei nesta cidade do interior por muitos anos, tocar vendo tanta gente conhecida na pista foi demais.

A temperatura estava alta e a festa foi irada!

Load the next article


Veja mais em Mixmag

Vegan: hambúrguer de lentilha e smoothie de ervilha

“El Tiempo” é o 3º som do Chemical Surf pela label de Martin Garrix