in ,

Willow, filha de Will Smith, fala pela primeira vez sobre tapão do pai em Chris Rock no Oscar

Willow saiu em defesa de seu pai, Will Smith, quatro meses após a polêmica do tapa que o ator deu em Chris Rock durante a cerimômia do Oscar. Em entrevista à Billboard nesta sexta-feira (5), a cantora, de 21 anos, explicou que o momento conturbado mostra como as pessoas têm dificuldade de aceitar os erros dos famosos.

“Eu vejo toda a minha família como sendo humana, e eu os amo e os aceito por toda a sua humanidade”, disse a artista. “Por causa da posição em que estamos, nossa humanidade às vezes não é aceita, e esperam que nós ajamos de uma maneira que não conduz a uma vida humana saudável e não conduz à honestidade”, completou ela. Willow também afirmou que o incidente não a afetou tanto quanto seus “próprios demônios internos”.

Continua depois da Publicidade

Smith bateu em Chris Rock no palco da premiação depois que o comediante fez uma piada sobre a cabeça raspada de sua esposa, Jada Pinkett Smith. A atriz decidiu por raspar o cabelo por conta da alopecia. Na época, alguns fãs entenderam que a irmã de Jaden opinou sutilmente sobre o inconveniente, compartilhando uma citação em seus stories no Instagram. “Sabe quem está passando por muita coisa agora? Literalmente todo mundo. Apenas seja gentil”, dizia a imagem.

A mensagem postada alguns dias depois da cerimômia pode ter sido uma resposta ao caso. (Foto: Reprodução/Instagram)

Os comentários de Willow vêm uma semana depois que seu pai foi às mídias sociais para emitir mais um pedido de desculpas por seu comportamento “inaceitável”. “Passei os últimos três meses revivendo e entendendo as nuances e complexidades do que aconteceu naquela hora. (…) Posso dizer para vocês que não há nenhuma parte em mim que concorde que aquela foi a melhor forma de reagir ao me sentir desrespeitado ou ofendido“, explicou o astro em um vídeo no YouTube.

Continua depois da Publicidade

“Decepcionar as pessoas é meu trauma central. Eu odeio quando decepciono as pessoas, então dói psicologicamente e emocionalmente saber que não fiz jus à imagem e impressão das pessoas sobre mim”, disse a estrela de “Um Maluco no Pedaço“. “O trabalho que estou tentando fazer é que estou profundamente arrependido e estou tentando sentir remorso sem ter vergonha de mim mesmo”, desabafou. Veja o pedido de desculpas na íntegra:

Recentemente, Jada também abordou a agressão em um episódio do “Red Table Talk”. “Sobre a noite do Oscar, minha esperança mais profunda é que esses dois homens inteligentes e capazes tenham a oportunidade de se curar, conversar sobre isso e se reconciliar”, disse ela. “O estado do mundo hoje, precisamos de ambos. E todos nós realmente precisamos uns dos outros mais do que nunca”, pontuou.



Siga o Hugo Gloss no Google News e acompanhe nossas notícias!



Veja mais em HugoGloss

Carlos Alberto de Nóbrega chora ao homenagear Jô Soares, e revela história surpreendente: “Nunca falei isso para ninguém”

10 opções de pochete para compor os looks