Brasil

Nesta quarta-feira (20), o Superior Tribunal de Justiça formou maioria na decisão de que Robinho deve cumprir pena por estupro no Brasil. De acordo com a decisão, o jogador deverá começar a cumprir a pena de 9 anos por estupro imediatamente.

O atleta e Ricardo Falco foram condenados em todas as instâncias pela Justiça da Itália pelo estupro coletivo de uma mulher albanesa. Na época, a vítima tinha 23 anos e estava com o grupo de amigos na casa noturna Sio Café, em Milão, em 2013. Além da dupla, Fabio Cassis Galan, Cleyton Florêncio dos Dantos, Alexsandro da Silva e Rudney Gomes da Silva, amigos do atleta, também foram acusados pela vítima.

Apesar da condenação, Robinho nunca cumpriu a pena porque havia deixado o país quando o julgamento foi concluído. Ele alega ser inocente. Contudo, a Justiça do país europeu pede que a pena seja cumprida no Brasil. Agora, segundo o g1, os ministros debatem se a prisão deve ser cumprida imediatamente.

Continua depois da Publicidade

* Texto em atualização



Siga a Hugo Gloss no Google News e acompanhe nossos destaques

Tags: áudios estupro estupro coletivo Justiça Robinho violência



Veja mais em HugoGloss

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *