Nesta sexta-feira (15), o ator Oh Yeong-su, de “Round 6“, foi condenado por “má conduta sexual”. O vencedor do “Globo de Ouro” de Melhor Ator Coadjuvante por sua atuação na série da Netflix, foi indiciado por tocar o corpo de uma mulher de forma inapropriada – com beijos na bochecha e abraços sem consentimento. O caso aconteceu em 2017, na Coréia do Sul.

A corte condenou o ator de 79 anos a oito meses de pena suspensa – quando a prisão pode ser evitada caso o condenado cumpra requisitos pré-estabelecidos. Entre as medidas definidas pela Justiça está a obrigação de assistir a 40 horas de aulas sobre violência sexual. A sentença foi anunciada no Tribunal Distrital de Seongnam, que fica a cerca de 20 quilômetros da capital Seul.

No julgamento, o ator negou as acusações novamente e prometeu contestar a condenação. “As provas são insuficientes, exceto pelo depoimento da vítima e as evidências que vieram dele. É questionável se seria possível para o acusado realizar esses atos com base no local, a situação e o horário”, alegou o advogado de Yeong-su no tribunal, segundo o jornal Korea JoongAng Daily.

Os promotores do caso ainda acusaram o astro de não demonstrar “remorso” de seu comportamento: “O acusado expressou o seu desejo pela juventude de forma inapropriada, dizendo ‘Eu te vejo como mulher’ enquanto bebia com a vítima em 2017. Ele evitou a responsabilidade dizendo que a vítima era ‘como uma filha’ para ele, apesar de a vítima pedir uma retratação”.

Ao informar sua decisão, o juiz Jeong Yeon-ju disse que “as declarações da vítima se mostraram consistentes, e dificilmente poderiam ser feitas por alguém que não vivenciou o assédio descrito“.

Continua depois da Publicidade

O processo teve início originalmente em setembro de 2021, mas foi encerrado em abril de 2022 por falta de uma acusação formal contra o veterano. A reabertura pelo Ministério Público de Suwon aconteceu em novembro do mesmo ano, após uma apelação da denunciante – que, segundo o advogado, vinha “lutando contra os traumas há anos”. A moça seria uma atriz de 22 anos, que fazia parte do mesmo grupo de teatro de Yeong-su. Na época, eles estavam em turnê com a companhia.

Na ocasião da denúncia, o relatório da polícia local apontou que o ator “agarrou e tentou beijar a moça à força”. Além de apresentar mensagens trocadas com o veterano como prova, a vítima também teria levado o atestado médico de um tratamento psiquiátrico iniciado após o caso.

Oh Yeong-su ganhou destaque em “Round 6”. (Foto: Reprodução/ Netflix)

Em 2021, quando foi acusado pela primeira vez, Oh Yeong-su disse para a JTBC que teria apenas “segurado nas mãos da mulher” e pediu desculpas. “Eu apenas segurei a mão dela para guiar no caminho ao redor do lago. Pedi desculpas porque [ela] disse que não faria alarde sobre isso, mas isso não significa que eu admito as acusações”, disse.



Siga a Hugo Gloss no Google News e acompanhe nossos destaques



Veja mais em HugoGloss

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *