Com a onda de rumores sobre o paradeiro de Kate Middleton, as preocupações também se dirigiram ao rei Charles III. Nesta segunda-feira (18), a circulação de um comunicado falso do Palácio de Buckingham gerou especulações sobre o estado de saúde do monarca – que foi diagnosticado com câncer em fevereiro deste ano.

Os boatos ganharam força quando portais russos e asiáticos compartilharam que edifícios governamentais britânicos estariam com a bandeira meio mastro, supostamente indicando que o soberano teria morrido. O canal de Telegram Mash, que conta com mais de 2 milhões de inscritos, foi um dos primeiros a publicar a história.

O suposto comunicado, datado de 18 de março e com o selo da residência oficial do rei em Londres, dizia: “O seguinte anúncio é feito por comunicações reais. O Rei faleceu inesperadamente ontem à tarde”.

Mídias russas e asiáticas afirmaram que o rei estaria morto. (Foto: Reprodução)

Nas redes sociais, internautas também passaram a falar sobre o tema. “No Reino Unido, as bandeiras estão a meio mastro em alguns edifícios governamentais”, alegou um usuário do X, antigo Twitter. “Ou o rei Charles está morto, abdicando ou Kate Middleton morreu”, especulou outro. “Nas ruas, estão dizendo que o rei Charles está morto”, emendou mais um.

Com a repercussão, o Palácio de Buckingham se manifestou e desmentiu a notícia. A equipe da família real emitiu uma declaração à TASS, agência de notícias estatal russa. “Temos o prazer de confirmar que o Rei continua a tratar de assuntos oficiais e privados”, diz a nota.

Continua depois da Publicidade

Desde o diagnóstico, o rei Charles III está afastado de seus compromissos públicos para ser submetido a um tratamento. Na semana passada, o Palácio de Buckingham divulgou uma foto de Charles III recebendo a secretária da Commomwealth em Londres.

Em fevereiro, a rainha Camilla atualizou o estado de saúde do marido. Ela afirmou que o rei está “extremamente bem” e ficou grato com as demonstrações de apoio que recebeu desde o anúncio da doença. “Ele está se saindo extremamente bem, dadas as circunstâncias. Ele está muito emocionado com todas as cartas e mensagens que o público tem enviado de todos os lugares. Isso é muito animador”, apontou a rainha consorte. Os príncipes William e Harry também já falaram sobre o tema.

Continua depois da Publicidade

As especulações em torno do rei Charles acontecem no mesmo dia em que tabloides britânicos afirmaram, com base em depoimento de moradores, que Kate Middleton foi vista no fim de semana fazendo compras em um mercado de frutas e verduras em Windsor, ao lado do marido, o príncipe William. O “The Sun” e o “Daily Mail”, porém, não publicaram nenhuma imagem do momento, afirmando que “não foram feitos registros”.

O “sumiço” da princesa rendeu muitas teorias na web ao longo dos últimos dois meses – para ela e para os demais membros da família real. Desde que realizou uma cirurgia abdominal, no final de janeiro, Kate tem se mantido afastada da vida pública e de seus compromissos oficiais. Nas redes, rumores de que o quadro de saúde da esposa de William seria mais grave do que o apontado pelo Palácio ganharam tração. 



Siga a Hugo Gloss no Google News e acompanhe nossos destaques



Veja mais em HugoGloss

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *