Kim Kardashian revelou em entrevista ao “Jay Shetty Podcast” nesta segunda-feira (22), qual foi o último lugar no mundo em que teve um pouco de privacidade. A influenciadora contou o que sentiu ao ser trata como anônima, após anos de exposições nas redes sociais e na televisão, sem paparazzi a sua volta.

Provando que a fama tem seus privilégios, como também seus preços, a empresária apontou o país em que o assédio dos fãs não é frequente. “No Japão é assim. Sabe, todo mundo é muito respeitoso. Mesmo que possam te reconhecer, eles não pedem fotos. É uma experiência realmente incrível. Eu acho que é importante”, disse Kim, que está entre as 10 pessoas mais seguidas do Instagram, com 356 milhões de seguidores.

“Sabe, eu amo minha vida. Eu amo tudo o que vem junto com ela. Eu não estou reclamando. Mas um vislumbre disso, acho que especialmente para os menores [os filhos], é tão bom”, completou.

Introduzindo os filhos, Kim comentou a percepção dos pequenos, frutos de seu casamento com Kanye West, a respeito da fama. “Não é algo que eles reconheçam muito, mas minha filha [North] é realmente bocuda. Ela vai falar para eles [fotógrafos e fãs] quando não os quiser por perto e para deixá-la em paz e parar”, enfatizou a estrela sobre a filha mais velha, de 9 anos.

Uma das personalidades mais conhecidas da internet, Kim visitou Osaka, no Japão, em abril de 2023, junto com os filhos e a família. As Kardashians e seus pequenos herdeiros compartilharam momentos no país oriental, indo a lugares icônicos de diversas cidades.

Continua depois da Publicidade

Além da curiosidade, Kim compartilhou no podcast um pouco de seu lado pessoal, como desafios da maternidade, inseguranças, altos e baixos da vida e busca pela felicidade. Assista à íntegra:

 

Siga a Hugo Gloss no Google News e acompanhe nossos destaques



Veja mais em HugoGloss

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *