Juliette revelou durante uma transmissão ao vivo no Instagram, neste sábado (20), uma mensagem especial que recebeu de Marília Mendonça, meses antes de sua morte. Na transmissão, a campeã do “BBB 21” descreveu o do áudio recebido, e explicou por que manteve o episódio em sigilo.

Durante a live, uma pessoa perguntou à artista: “Você sabia que Marília Mendonça era sua fã e torcia por você quando estava no BBB? Ela falou isso no programa da Ana Maria Braga (‘Mais Você’) quando você ainda estava na casa”.

Enquanto se maquiava, Juliette respondeu que “sim”, e então relembrou o convite feito pela Rainha da Sofrência para ir a um bar. “[Ela falou]: ‘E aí, minha irmã!’. Tão bonitinho. É que eu não mostrei pra ninguém, ficou só pra mim”, começou a cantora. “Ela falando assim: ‘Quando é que a gente vai tomar uma cerveja naqueles botecos bem copo sujo? Você gosta de uma cerveja? Eu acho que você gosta’”, continuou a morena.

“Eu disse: ‘Eu gosto, vamos!’. E ela falou: ‘Pois vamos, minha irmã. Qualquer dia tomar uma cerveja em um boteco bem sujo’”, encerrou a história. “De vez em quando eu escuto a voz dela. Sou fã demais, ave maria”, confessou Juliette. 

Assista:

Continua depois da Publicidade

O relato repercutiu nas redes sociais e emocionou os fãs, que comentaram sobre a possível amizade entre as duas. “As rainhas lindas iam ser muito bests. Duas mulheres que amam suas raízes e que tem como uma das maiores virtudes a humildade. Marília sempre vai nos deixar com o coração apertado pela sua ausência”, lamentou um fã.

“Nossa, tão triste que não deu tempo”, comentou um segundo. “Meu coração ficou apertadinho aqui…”, confessou um usuário do Twitter. “Ela e Marília Mendonça iam ser grandes amigas e ela torceu para Juliette, fez multirão para ela”, apontou outro.

Continua depois da Publicidade

Despedida de Marília Mendonça

Na sexta-feira, 5 de novembro de 2021, Marília Mendonça faleceu aos 26 anos. A artista viajava num avião de pequeno porte junto de outras quatro pessoas, que caiu numa área de difícil acesso na Serra de Caratinga, em Minas Gerais. A sertaneja estava a caminho da cidade de mesmo nome, onde iria se apresentar. Além dela, o produtor Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho e o piloto Geraldo Medeiros e o copiloto Tarciso Pessoa Viana também morreram.

No dia do acidente, o avião de Mendonça bateu no cabo de uma torre de distribuição da Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais), numa linha de transmissão elétrica fora da zona de proteção do aeródromo local.

Siga a Hugo Gloss no Google News e acompanhe nossos destaques



Veja mais em HugoGloss

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *