Do inglês, “Splend” (esplendor, em tradução livre) significa algo que reluz. Esse foi o nome escolhido para nova marca da capital, e a proposta é justamente um espaço que traga muita luz, conforme defendem as proprietárias Larissa Alvarenga e Meiry Franco. A partir de uma curadoria feita com dedicação, a multimarcas chega com o foco de conquistar o coração das brasilienses.

Vem conhecer!

Giphy/Splend/Reprodução

O sonho de ter uma loja de roupas faz parte das lembranças de infância de Larissa Alverenga. No entanto, a paulista construiu uma carreira profissional na comunicação e precisou adiar o desejo de criança. “Em determinado momento, eu percebi a oportunidade de continuar jornalista e ter um negócio próprio. Foi quando eu conheci a minha sócia, que já trabalhava em uma loja, aí juntamos as experiências de cada uma em algo nosso”, explica em entrevista à Coluna Moda Fora dos Padrões.

Por meio da união entre as proprietárias, a Splend estreou no mercado brasiliense no fim de abril. Larissa revela que tinha dificuldades de encontrar peças versáteis. Isso se tornou um dos principais motivos por criar a etiqueta. A partir de uma curadoria em lojas de São Paulo, a jornalista encontrou itens que fossem adequados para todas as ocasiões.

“Queria looks meio-termo, nem tão luxuosos, mas também sem ser informal. Uma roupa nem 8 nem 80, porém em que você vai estar sempre bem vestida e elegante”, conta. A seleção reúne variedade de peças elaboradas com diferentes modelagens e cortes.

As marcas disponíveis na Splend vão de títulos altamente conhecidos pelo mercado até novos nomes. Larissa diz que a qualidade foi o ponto em comum para as escolhas. Por se tratar de um empreendimento novo na capital, as sócias estão investindo e se adaptando para conquistar a clientela.

“A gente quer focar muito na questão da comodidade e bem-estar da cliente. Então, se ela quiser receber em casa as peças para provar, vamos oferecer essa opção, entre outras”, compartilha. A proprietária conta que a atenção a demandas dos consumidores, desde itens que não tem na loja a novas numerações, faz parte da rotina da Splend.

Na imagem com cor, mulher branca posa para foto - Metrópoles
Larissa Alvarenga é jornalista e sempre amou moda

 

Na imagem com cor, mulher branca posa para foto - Metrópoles
Ela decidiu criar o espaço com curadoria minuciosa de peças rebuscadas

 

Na imagem com cor, mulher branca posa para foto - Metrópoles
Meiry Fonseca agregou com a experiência no varejo ao se associar à Larissa Alvarenga na criação da Splend

 

Na imagem com cor, mulher branca posa para foto - Metrópoles
As duas são as sócias da multimarcas que estreou em Brasília

 

Na imagem com cor, o interior da loja Splend - Metrópoles
Na loja, é possível encontrar variedade de estilos e tendências

Morando em Brasília há cerca de três anos, Larissa Alvarenga observa as particularidades do público, que ela considera desafiador. “Elas [clientes brasilienses] costumam ser fieis aos lugares que já conhecem, só que, ao mesmo tempo, percebo que tem uma parte da população que pede novidade. Então, a Splend chegou com essa proposta de apresentar algo diferente “, conta.

Após mais de um mês de abertura da multimarcas, Larissa Alvarenga e Meiry Franco conseguem identificar os pontos já característicos da marca, como o público-alvo. A busca por atender mulheres maduras e elegantes está no cerne da Splend. “Sou apaixonada por moda, gosto também de trabalhar com a vaidade, autoestima e bem-estar das mulheres. Claro, sempre respeitando as particularidades”, finaliza.

Na imagem com cor, mulher branca posa para foto - Metrópoles
A Splend tem cerca de cinco marcas no acervo

 

Na imagem com cor, o interior da loja Splend - Metrópoles
Peças clássicas e casuais estão no repertório

 

Logo da marca Splend - Metrópoles
A multimarcas inaugurou no Lago Sul no fim de abril

Moda Brasília

A Coluna Moda Fora dos Padrões deu início à série Moda Brasília em 2021. Toda semana, apresentamos marcas, designers e etiquetas locais, a fim de dar ênfase à moda criada no Distrito Federal, no Centro-Oeste.

O objetivo é compilar iniciativas e empresas que atuam em prol da cadeia produtiva regional de maneira criativa, sustentável e inovadora. Os nomes são selecionados de forma independente pela equipe da coluna, a partir de critérios como diferencial de mercado, pioneirismo e ações que valorizem a comunidade.


Veja mais em Metropoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *